Editorial

Editorial – Cidadania

A maioria da cidadania quer o Projeto Anticrime do ministro Sérgio Moro e equipe vigendo, a perpetuação da Lava Jato contra a corrupção e cadeia exemplar para a bandidagem política ou não. Basta verificar as manifestações multitudinárias de 07/04/19, misteriosamente ignoradas pela chamada “grande mídia”.

Quer, também, o fim de ideologias esquisitas e predatórias que dominaram o país desde 2003, como as que levaram a Venezuela e outros países ao caos. Quer eficiência, transparência e responsabilidade de seus representantes eleitos e competência do funcionalismo público concursado, pagos pela população.

Respeita os poderes instituídos e as leis por princípio, mesmo que delas discorde. Cremos que está compreendendo, hoje, o velho adágio: “Galinha que sai a nadar com patos termina se afogando”.

Assim, se em dado momento elegeu indivíduos ímprobos para administrações e parlamentos por inércia; oportunismo ou burrice, entende que pode defenestrá-los, desde que haja provas da prática de malfeitos. A magistral pergunta de Moro é definitiva: de onde veio o dinheiro?

O que ocorre hoje em vários município, a exemplo de São Caetano com a condenação judicial de seu prefeito em primeira instância; não é questão política, mas, algo mais próximo a casos de polícia, portanto. Se uma câmara municipal estiver cooptada, não pode ser considerada “habilidosa”, mas, cúmplice. É nossa opinião.

Etiquetas
Mostrar Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
Fechar