HomePolítica

DEPUTADA CARLA MORANDO LUTA PELA IMPLANTAÇÃO DA LINHA 20 DO METRÔ NO ABC

 

 

Coordenadora da Frente Parlamentar em Prol da Linha 20 Rosa do Metrô, a deputada estadual Carla Morando segue trabalhando na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo para implantação da Linha no ABC. Acompanhando os passos dos trabalhos do Estado e pedindo celeridade nas etapas de implantação, a parlamentar compartilhou, dia 15/02, vídeo do Governo do Estado que traz detalhes da obra.

Luta da parlamentar desde o primeiro mandato, a Linha atenderá cerca de 1,3 milhão de pessoas por dia e tem previsão de entrega para 2035. “Lutamos muito por esta obra. Desde o meu primeiro mandato, trabalho para implantação desta linha que terá 33 km de extensão, com 24 estações chegando até o ABC, nas cidades de Santo André e São Bernardo. Este é um projeto muito importante que defendemos em nosso mandato por meio da Frente Parlamentar em Prol da Linha 20 do Metrô, na Alesp. Seguirei trabalhando para que esse projeto avance com mais rapidez”, disse a deputada.

Principal voz do ABC na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Carla Morando defende a implantação da Linha para atender a população e garantir desenvolvimento para a região. Entre as iniciativas da deputada para garantir a realização da obra estão envio de proposta de emenda ao orçamento de 2024 no valor de R$ 100 milhões para investimento direto nas obras. A parlamentar também fez emenda ao Orçamento de 2021 do Estado, destinando R$ 5,4 milhões para custear os estudos da Linha 20 e emenda ao Plano Plurianual – PPA 2019-2023 para assegurar a viabilidade do projeto de expansão de transporte entre a Capital e o Grande ABC.

Além disso, em 2023, Carla Morando participou de audiências com o governador Tarcísio de Freitas, o secretário de Estado de Parcerias em Investimentos, Rafael Benini, e o secretário de Estado dos Transportes Metropolitanos, Marco Antônio Assalve, e o diretor de Engenharia e Planejamento, Marcos Kassab, e pediu celeridade nas obras destacando a importância do Metrô para a região.

 

ETAPAS DO PROJETO

O Metrô já concluiu o Anteprojeto de engenharia e agora está contratando o Projeto Básico. Os estudos preliminares que demonstram benefícios equivalentes a R$ 3,5 bilhões por ano com o funcionamento da Linha 20-Rosa, em razão da economia de combustíveis e gastos com saúde que serão evitados com poluentes que deixarão de ser emitidos, além da redução do tempo de deslocamento das pessoas, que pode chegar a mais de 60%.

Os dados disponibilizados nas audiências, realizadas em janeiro e fevereiro em Santo André, São Paulo e São Bernardo do Campo, constam no Estudo e Relatório de Impacto Ambiental (EIA-RIMA) e no Anteprojeto de Engenharia elaborado pelo Metrô. A consolidação de um cronograma preciso para as entregas depende da elaboração do Projeto Básico, que a licitação foi lançada pelo Metrô no fim de 2023. O recebimento das propostas está agendado para março desse ano.

Mostrar Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo