AtualidadesHome

Audrey Gasparini, ex-aluna da Direito São Bernardo, assume como desembargadora Federal no TRF3

Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo (FDSBC),

 

A ex-aluna da Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo (FDSBC), Audrey Gasparini, tomou posse como desembargadora federal no Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3). A cerimônia ocorreu em setembro, durante a Sessão Plenária Extraordinária Administrativa na sede do tribunal, sob a coordenação da presidente, desembargadora federal Marisa Santos.

Audrey Gasparini, graduada pela FDSBC, possui uma trajetória notável na área jurídica. Além de sua formação na instituição, é mestre em Direito do Estado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Sua carreira como juíza federal teve início em 1995 na Seção Judiciária de São Paulo, destacando-se como titular da 1ª Vara Federal de Santo André, onde também exerceu o cargo de diretora do fórum.

Audrey Gasparini compartilhou como a Autarquia Municipal desempenhou um papel crucial em sua formação. “A FDSBC foi o ponto de partida da caminhada. Ali estabeleci os primeiros contatos com o mundo jurídico. Tive aulas com grandes juristas, juízes, desembargadores, promotores de justiça, procuradores da república, alguns se tornaram Ministros das Cortes Superiores. Exemplos não me faltaram.”

A desembargadora destacou a influência de seu pai, Professor Diogenes Gasparini, em sua escolha pela área jurídica. “Na época estudantil – de 1986 a 1990 – fiz grandes amigos, alguns dos quais tenho contato frequente até hoje. O ambiente da faculdade era delicioso, o que fazia ter vontade de frequentar as aulas e todas as demais atividades, acadêmicas ou não, que apareciam. Sem sombra de dúvidas, o período de graduação foi especial e está guardado com muito carinho no coração! Uma honra e um prazer ter estudado na FDSBC.”

A desembargadora deixa uma valiosa recomendação para os alunos que aspiram seguir seus passos. “Nunca deixe de estudar. Não existe outro caminho para se alcançar uma carreira pública. Muitas vezes, em razão de reprovações em concursos, desistimos de estudar. Porém, não faça isso se o seu desejo é a carreira pública. Se desistir, você nunca saberá o quanto já estava perto da aprovação.”

 

Mostrar Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo